Vani

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 dias, 16 horas atrás

    Os documentos italianos para fins de cidadania não precisam ser apostilados. Caso servisse para outro fim como por exemplo venda de imóvel, doação, aí sim a certidão deveria ser apostilada na Itália, pois o documento é apostilado obrigatoriamente no país de origem do mesmo, onde foi expedido, na Prefettura (não é a nossa Prefeitura, que chama-se Comune).

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 3 dias, 16 horas atrás

    Com a entrada do Brasil na Convenção de Haia, agora não é mais necessário ir até o Ministério das Relações Exteriores (ERESOP, ERERIO, ERESC, ERESUL, EREPAR, etc) e levar as certidões para que seja colocado o carimbo, nem levar a documentação no Consulado italiano que abranja sua área de residência para que a mesma seja legalizada (no caso das…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 semanas, 1 dia atrás

    segundo link: http://bit.ly/2xdMW2u

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 semanas, 1 dia atrás

    Suponho que a Polentona não trabalha com cidadania materna – 1948, portanto seguem dois links onde você poderá entrar em contato por telefone e e-mail a fim de tirar suas dúvidas com essas duas empresas de assessoria que possuem advogados para tal. Deixando claro porém que não tenho nenhum tipo de feedback, nem positivo nem negativo, por isso…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 semanas, 1 dia atrás

    Se há uma mulher na sua linha genealógica nascida antes de 1948, a única opção é por via judicial, por linha materna.
    Sua trisavó é italiana, casou-se com seu trisavô que também era italiano e da união deles nasceu seu bisavô aqui no Brasil, é isso? Se for assim e como infelizmente das buscas você não obteve retorno (não sei se você optou já p…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 semanas, 2 dias atrás

    Geralmente pedem para que seja feita uma transferência, eles fornecem o código IBAN para tal. O mês de agosto é difícil ter contato na Itália porque é o mês onde muitas pessoas saem de férias e fica tudo literalmente parado.
    Caso não tenha nenhuma alternativa por conta de não achar a certidão italiana de batismo ou nascimento de seu trisavô e a…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 semanas, 2 dias atrás

    Quais documentos? As certidões italianas (certificato di battesimo ou estratto di nascita ou matrimonio) não precisam ser apostilados, e se precisam para outro fim que não seja o reconhecimento da cidadania, teriam que ser apostilados na Itália (na Prefettura), pois os documentos são emitidos lá, não tem como eles serem apostilados em outro país q…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 1 mês, 2 semanas atrás

    Acredito que depende, pode ser que a tradução juramentada da certidão italiana de nascimento do antenato baste. Em caso de apostilamento, só pode ser efetuado no país onde o documento foi emitido. Na Itália chama-se “Apostille dell’Aja”, é um carimbo colocado no verso do documento e preenchido a mão, diferente de como é aqui no Brasil. O Comune n…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 1 mês, 2 semanas atrás

    Sim, correto. Se seu pai tivesse nascido antes de 1948 vocês ainda teriam direito, não administrativamente mas sim somente por via judicial (ação tramitada no Tribunal na Itália).

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 1 mês, 2 semanas atrás

    Basta um (se for pai/mãe e filhos), porém se for entre primos é melhor apresentar duas para dois exemplares de documentos.

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 1 mês, 3 semanas atrás

    No roteiro dos consulados italianos aqui no Brasil consta a seguinte informação: “O procedimento de análise para o reconhecimento da cidadania italiana será concluído no prazo de 730 dias, conforme estabelecido pelo Decreto do Presidente do Consiglio dei Ministri n. 33 de 17701/2014, publicado na Gazzetta Ufficiale n. 64 de 18/0…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 1 mês, 3 semanas atrás

    Depende se a certidão de seu antenato for de registro civil (Comune), pode ser que tenha validade de 6 meses/1 ano (pois consta escrito na mesma). O recomendado acredito que é ter a certidão com data de emissão inferior a 5 anos, pois se você já possui cópia antiga (emitida a mais de 10 anos), não penso que tenha problema em solicitar a emissão…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses atrás

    Sim, é possível, entretanto seria bom saber se por acaso o Comune onde serão encaminhados os pedidos de vocês é necessário emitir duas CNN (uma para você e uma para seu primo) ou uma só basta (em nome dele ou no seu).

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses atrás

    Uma CNN só em nome de um dos requerentes basta.

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses, 1 semana atrás

    Sim.

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses, 2 semanas atrás

    Demora em média entre 10 a 15 anos porque você precisa entrar na lista de espera do Consulado que abrange sua área de residência aqui no Brasil. Não tem como seu irmão, mesmo já tendo sido reconhecido como cidadão italiano pelo consulado italiano na Inglaterra te “repassar” a cidadania pois você reside aqui no Brasil e não lá na Inglaterra…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses, 2 semanas atrás

    Semana passada também enviei e-mail a ele com o comprovante de depósito de 15 euros e não recebi retorno, mas não se preocupe, ele deve ter recebido porém não teve tempo de abrir a caixa de e-mail e te responder. Infelizmente tem aqueles que mesmo se pedirmos para nos dar um retorno acusando o recebimento de comprovante/e-mail/documentos em anexo…[Leia mais]

  • Vani publicou um novo comentário de atividade 2 meses, 2 semanas atrás

    Oi!
    Primeiramente tem que saber a sua árvore genealógica, quem é o antenato que transmite a cidadania? Não é necessária a sentença de divórcio de seu avô caso ele não for requerente da cidadania, o mesmo vale para seu pai/mãe, se o genitor que transmite a cidadania a você não for requerente, a única documentação deles a ser apresentada é a…[Leia mais]

  • Carregar mais